PROJETOS URBANÍSTICOS

Requalificação Urbana da Lagoinha - Belo Horizonte MG

Requalificação urbana no Complexo da Lagoinha, um espaço historicamente seccionado pelas vias de automóvel e pelo trem urbano, com total descaso com os pedestres e a população local. A proposta contempla a integração entre o sistema de ônibus (MOVE) e o metrô. A requalificação além de gerar espaços públicos que favoreçam a vitalidade urbana, gera infraestrutura adequada para o acesso ao novo sistema de transporte coletivo (MOVE), criando:

 - passarelas (ruas suspensas) para a transposição agradável e segura;

- espaços exclusivos para circulação de pedestres, além de permitir a convivência e o lazer;

- ciclovias, bicicletários, vestiários públicos e comércio de apoio. 

 

Complexo de Cultura e Lazer | Brumadinho - MG

Projeto que envolve o pátio e entorno da estação de trem de Brumadinho, aborda o retorno do uso do trem como meio de transporte de passageiros e a abertura de um espaço para uso público na cidade. 

A linha férrea hoje funciona somente para o transporte de cargas, especialmente de minério de ferro e a estação e outros edifícios do pátio (que são tombados pelo município) se encontram em estado de abandono. Tendo conhecimento dessa situação e da carência que a cidade tem para espaços de convívio foi concebido um complexo de lazer e cultura que passaria a representar o centro das atividades da cidade contendo cinema, sala de exposições, centro gastronômico e praças com difrentes características.

PROJETOS INDUSTRIAIS

Complexo para Tratamento de Água Capim Branco | Uberlândia - MG

Desenvolvimento de projeto básico e executivo do novo sistema de captação e tratamento de água para a cidade de Uberlândia. O projeto iniciou a execução da primeira etapa de produção em 2015 e prevê ampliações para atender o crescimento da cidade até o ano de 2067. A concepção do conjunto arquitetônico da Captação e da ETA teve como premissa atender e organizar a dinâmica das etapas de tratamento, criação de estruturas de apoio aos funcionários pensando também em circuitos didáticos a serem percorridos por grupos de estudantes que fossem conhecer o processo de tratamento.

ETA Morro Redondo | Belo Horizonte - MG

Essa Estação de Tratamento de Água (ETA), por estar situada em uma região acessível da cidade, recebe um grande volume de visitações diárias. A demanda do cliente (COPASA) era a criação de rotas de visitação protegidas contra intempéries, dessa forma as passarelas que se distribuem sobre a planta de tratamento receberam coberturas em formato curvo, sustentadas por pilares esbeltos, que geram leveza e dinâmica aos trajetos. A intervenção no conjunto arquitetônico contribuiu para além da funcionalidade, através de elementos sutis houve uma complementação estética ao edifício existente.